Ainda resta discussão, mas TCE acusa ex-prefeito de gastar irregularmente R$ 1 mi

6O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo notificou na primeira semana de julho a Prefeitura de Sorocaba para devolver aos cofres estaduais a quantia de R$ 1.015.000,00 referente a irregularidades apontadas pela fiscalização da Corte do Tribunal de Contas. A prefeitura terá de apresentar justificativas com relação aos apontamentos. O que entendi é que esse valor era destinado para que ruas específicas fossem contempladas com asfalto, mas não foram. Mesmo que outras ruas tenham sido asfaltadas o crime, do ponto de vista do TCE, estará caracterizado. Como o dinheiro chegou em 2009, o então prefeito, Vitor Lippi, atual deputado federal, se torna o réu em ação de improbidade administrativa. Mas, como disse, não é decisão final e cabe explicação.

Comentários

Leia também