Após 13 meses da interdição de residencial de apartamentos, Prefeitura anuncia acordo para liberar construtora a iniciar obras de viaduto sobre a rodovia Raposo Tavares

A Prefeitura de Sorocaba comunicou as partes envolvidas a se adequarem para o início da construção do viaduto (com 125 metros de cumprimento e 12 metros de largura) sobre a rodovia Raposo Tavares, que vai ligar a rua João Wagner Wey (região do Jardim América, Jardim São Carlos e Campolim) até a rua Augusto Lippel (região de Votorantim), e também de avenida, rotatória e alças de acesso ao local.

O viaduto e demais obras – segundo informação da Secretaria de Comunicação – serão feitos sem qualquer custo para o município, pois se trata de medida mitigatória para compensar a geração de tráfego provocada pela implantação do empreendimento residencial Parque Salamanca. “A MRV Engenharia manifestou-se à disposição para iniciar a construção do viaduto e a Secretaria de Planejamento e Projetos convocou as concessionárias de telefonia, gás natural, energia elétrica e água a adequarem as suas redes à nova composição viária”, finaliza a Secretaria de Comunicação.

Há um ano, no dia 12 de abril de 2017, o condomínio de prédios de apartamentos residenciais foi interditado pela Secretaria de Planejamento e Projetos da Prefeitura. A Prefeitura averiguou que o futuro condomínio está em desacordo com o Plano Diretor do município.