Assim como na cassação da Dilma, agora o “motivo” também é desculpa

PedaladaDilmaTecnicamente a presidente Dilma perdeu o mandato porque pedalou (usou contabilmente recursos de um exercício em outro), mas a prática demonstrou que foi a união ideológica de todos os contrários a ela que a derrubaram. Ela não teve força política para se manter no cargo.

O caso envolvendo o prefeito Crespo é o mesmo. Tecnicamente o grupo contrário ao prefeito quer puni-lo por quebra de decoro ou prevaricação, mas a prática demonstra que é a maneira como o prefeito se relacionou com os vereadores ao longo de todo esse processo que está. Vereadores que são favoráveis a cassação do prefeito afirmam que não acreditam que o imbróglio com o vice seja motivo para a cassação, mas mesmo assim querem cassá-lo porque perdeu o apoio popular e porque num eventual governo da vice eles esperam ter o espaço que hoje não têm. Ou seja, é uma decisão política bastante similar com a da Dilma.