Decifrando o discurso de despedida

O futuro secretário de Habitação do Estado de São Paulo, Flávio Amary, fez um discurso de despedida, publicado originalmente no jornal O Estado de S.Paulo, agradecendo a oportunidade de ter dirigido o Secovi-SP (Sindicato da Habitação) nos últimos três anos. Parafraseando o presidente Juscelino Kubitschek, que ficou conhecido por desenvolver o Brasil com a frase 50 anos em 5, ele deu o título de 30 anos em 3 ao seu artigo, sendo que ele explica ter adquirido uma experiência de 30 anos nos 3 em que esteve à frente da entidade. Ele também agradeceu aos seus colaboradores e parceiros de diretoria de modo bastante eloquente. Enfim, seu discurso foi uma mensagem ao setor privado, ao sindicato do qual deixa a presidência e ao mundo político no qual entra pelas mãos de João Dória Jr.

Mas duas mensagens no artigo de Flávio Amary dizem respeito diretamente aos sorocabanos.

Quero chamar a atenção, primeiramente, ao final, quando ele afirma que estará secretário da Habitação nos próximos 4 anos, período para o qual Dória foi eleito. Lendo assim, a impressão que fica é que o evento de daqui 2 anos, a eleição para a Prefeitura de Sorocaba, está fora dos planos de Flávio Amary.

Porém, e aí chamo a atenção para outro trecho do mesmo artigo, esse bem no começo, onde Flávio Amary lembra que ele se descobriu, ao longo de sua vida, sendo uma pessoa de mais Sins do que Nãos e lembra quando disse Sim para presidir o Secovi há 3 anos e quando disse Sim para ser o secretário de Dória há 3 semanas. Ou seja, fica claro que ele poderá dizer Sim para aqueles que entendem que ele deve concorrer ao cargo de prefeito de Sorocaba dando sequência ao legado do seu pai, Renato Amary, prefeito por duas vezes e o grande cabo eleitoral da eleição do atual prefeito, Crespo.

Portanto, decifrando o discurso de Flávio Amary, fica claro que ele tem um foco: ser secretário por 4 anos. Mas igualmente fica claro que o futuro ninguém sabe qual será e, aparecendo um convite, ele estará aberto a mais um Sim.

Resta saber por qual partido. Flávio Amary não está filiado a nenhum no momento.

Comentários

Leia também