Defensor de Jair Bolsonaro me desafia a debater com deputado

BolsonaroDanilo Gimenes, que estudou Ciências Econômicas na Uniso e hoje dirige a empresa DNA Financeiro, é um militante da candidatura de extrema direita no Brasil. Ele usou as redes sociais para propagar sua ideologia extremista – onde deixa embutido que a saída é pela “força” para promover “a ordem” – ao falar de um debate ocorrido na rádio Jovem Pan de São Paulo entre um apresentador e o candidato Jair Bolsonaro. De quebra, lançou o desafio para que eu, na coluna O Deda Questão no Jornal Ipanema (FM 91,1Mhz), faça o mesmo no dia 5 de junho quando estará em Sorocaba o filho do presidenciável. O objetivo de Danilo (e os que seguem Bolsonaro) é cavar audiência para a ideologia que defendem. O meu objetivo, neste blog e na coluna da rádio, é combater a insanidade dos ideais fascistas representados por qualquer extremista. A saída do Brasil é pela Educação (leia postagem anterior).

Leia a íntegra do meu desafiador

Jair Bolsonaro de acordo com a opinião da avassaladora maioria dos ouvintes “jantou” o Jornalista Marco Antônio Villa da Jovem Pan de SP (foto). Mas o jornalista merece os parabéns por ter recebido o candidato para um debate depois de tê-lo chamado de “Embusteiro”. Demonstrou-se democrata e deu voz ao acusado e a oportunidade de se defender.

Aqui em Sorocaba, na Rádio Ipanema, o jornalista Deda Benette chamou Bolsonaro de Fascista, Homofóbico e o acusou de fazer apologia ao estupro e até de pedófilo(?)…..

A questão que fica é: será o que Jornalista Sorocabano teria a mesma coragem de Marco Antônio Villa de encarar o debate ao vivo com o Candidato? Ou a coragem de fazer acusações infundadas só existe quando não há o direito de resposta? Não seria este um comportamento realmente Fascista?

Dia 5 de Junho, o Deputado por São Paulo, Eduardo Bolsonaro estará em Sorocaba para um evento, pergunto: Porque a Radio Ipanema não o convida para um debate com o Jornalista Deda Benette no jornal da manhã?