Deputado federal aproveitou o recesso parlamentar e passou por cirurgia no olho

Vitor Lippi conversou comigo pelo telefone na semana passada sobre o momento delicado do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (nota já publicada aqui), mas eu não perguntei se ele estava fora ou em Sorocaba. Hoje, na coluna O Deda Questão na rádio Ipanema, quando falava sobre o pronunciamento do governador Geraldo Alckmin sobre a SP-264, onde ele cita apenas a deputada Maria Lúcia Amary e o prefeito Pannunzio, perguntado por Alexandre Moreto sobre o motivo do governador não ter falado do deputado federal Vitor Lippi expliquei que ele estava viajando. Era a informação que tinha. Mas logo após o programa fui corrigido pela assessoria do parlamentar que me explicou que ele não viajou, mas passou por um pequeno procedimento cirúrgico no olho em uma unidade hospitalar de São Paulo e que ficou em recuperação em sua casa. No final do ano passado (há notas neste blog a respeito), Lippi já havia passado por cirurgia no olho. Aliás, desde 2008 ele faz tratamento ocular.

Lippi ficou ausente do primeiro encontro do diretório municipal do PSDB, da presença de Alckmin em São Roque e do aniversário do prefeito Pannunzio, no sábado, em sua tradicional feijoada.

Comentários

Leia também