Do ponto de vista técnico, tarifa de ônibus de Sorocaba deverá ter aumento. Do ponto de vista político ainda não há definição

O prefeito Pannunzio está debruçado sobre uma decisão política, pois do ponto de vista técnico não resta mais dúvida: a tarifa de ônibus de Sorocaba deve ter reajuste. Semana passada o presidente da Urbes (empresa pública que cuida do trânsito e transportes), Renato Gianolla, já sinalizou o prefeito sobre essa necessidade, mas não encaminhou oficialmente a planilha. No ano passado, para evitar o reajuste da tarifa em 20 centavos, a prefeitura incorporou em seus gastos R$ 12 milhões. Neste ano a previsão é de que sejam pelo menos R$ 14 milhões para manter a tarifa sem aumento. Em 2013, os protestos de junho pelo Brasil e a decisão do governador do Estado e do prefeito da Capital, de voltarem atrás na decisão de reajustar a tarifa, ajudou o prefeito de Sorocaba a também voltar atrás. Mas e agora? Sorocaba registrou nos últimos doze meses 4,7milhões viagens mês, um aumento de 3,5% em relação a 2012.

Comentários

Leia também