Entenda por que a polícia fez busca e apreensão na casa de Crespo

Com autorização judicial, o delegado seccional Marcelo Carriel – que na foto aparece no desfile do Dia da Independência em Sorocaba – cumpriu mandado de busca e apreensão de documentos na casa do prefeito cassado Crespo em mais uma fase da Operação Casa de Papel, que investiga desde abril passado um suposto esquema de corrupção em três secretarias da prefeitura, com desvio de dinheiro, fraudes em licitações, corrupção de agentes públicos e lavagem de dinheiro.

O delegado Carriel disse à TV Tem que um dos suspeitos, que está sob sigilo, fez delação premiada, ou seja, confessou seu crime e dos demais e também como funcionaria esse suposto esquema de irregularidades. O conteúdo da delação e a identidade do investigado não foram revelados por Carriel.

Segundo o delegado disse à TV Tem, “o que mais nos importava eram algumas informações que eventualmente estejam nos dispositivos eletrônicos e que sejam importantes para complementar as que já existem no inquérito. Aliás, o inquérito que nós estamos aguardando o retorno da Primeira Vara para dar prosseguimento. E não havendo necessidade de uma perícia, seja ela contábil, seja ela de conteúdo, vai ser mais rápida essa análise e essa conclusão do que foi apreendido hoje”.

Comentários

Leia também