Entenda porque Bolsonaro teve 5 vezes mais votos que Haddad em Sorocaba

A decisão sobre quem será o próximo presidente da República vai acontecer em votação em 2º turno, conforme a decisão do eleitor brasileiro, de domingo, onde Bolsonaro obteve 46% dos votos e Haddad 29%. A maioria esmagadora do sorocabano, porém, não tem dúvida de que Bolsonaro deve ser eleito. Aqui, ele teve 5 vezes mais votos do que o candidato do PT em 1º turno.

Veja os números apenas de Sorocaba: Jair Bolsonaro teve 59,07% dos votos (exatos 213.599); Fernando Haddad ficou com 12,52% (exatos 45.263 votos). Na sequência aparecem Ciro Gomes com 10,39% (37.589 votos), Geraldo Alckmin com 8,18% (29.579 votos), João Amoêdo com 4,92% (17.798 votos); Marina Silva com 1,13% (4.078 votos); Meirelles com 1,05% (3.806 votos); Boulos com 0,95% (3.423 votos); Álvaro Dias com 0,89% (3.211 votos); Cabo Daciolo com 0,78% (2.824 votos); Eymael com 0,06% (211votos); Ver ado PSTU com 0,04% (159 votos); João Goulart Filho com 0,02% (83 votos); Brancos (11.582 votos); Nulos (29.370 votos).

O que explica

O que ajuda a explicar o resultado da eleição em Sorocaba, como no Brasil de um modo geral, é o antiPT e antiLula. Colhi, aleatoriamente, a postagem da sorocabana Valéria Almeida no Facebook, onde ela escreveu: “O mais assustador pra mim é ver a quantidade de brasileiros que são coniventes com quem rouba comprovadamente e são avessos com o único honesto comprovadamente! Bolsonaro, pra mim, não é o ideal, mas hoje ele é essencial!!! Pra mim o que é justo, ético, moral e honesto vem acima de tudo!!! O resto se discute. Cada povo tem o governante que merece!

Entre os comentários nessa postagem, colhi esses três:

Virgínia Bollina Schneider: O pior é que depois que vence essa gentalhaaaaaa acaba prejudicando todo mundo que não votou assim!! Mas isso não vai acontecer!! Vamos vencer amiga!!! Você vai ver!!!!

Tania Bodelon: Mas ainda não acabou. Só perdemos uma batalha. Esses petralhas safados têm que se ferrar, não é possível que seja diferente disso. Esperança e fé.

Gislane Dos Santos Nunes: Eu penso que todos que defendem o Lula são iguais a ele ladrão e corruptos.

Como será no 2º turno

A frase da postagem da sorocabana Valéria (Bolsonaro, pra mim, não é o ideal, mas hoje ele é essencial!!! Pra mim o que é justo, ético, moral e honesto vem acima de tudo!!! O resto se discute) me parece, antes do início da campanha eleitoral de 2º turno, que resume o que se pretende que se transforme o mote da campanha, ou seja, o brasileiro será levado a votar nos valores morais antes de propostas para a resolução de problemas da vida real do brasileiro. A urgência sobre valores vai se sobrepor a questões como o que fazer para diminuir o desemprego.

Assim, Haddad será acusado ladrão e corrupto, por defender Lula, e – se cair nessa proposta de campanha – vai rebater Bolsonaro com acusações de fascista, por não reconhecer direitos da minoria, por exemplo.

Resta saber se Bolsonaro resistirá à tentação de seu eleitorado (como mostra o exemplo colhido por mim dessa sorocabana) e fazer uma campanha de ataque em 2ª turno. E Haddad vai lutar nessa arena proposta por seguidora de Bolsonaro ou recolocará o debate do 2º turno em propostas como, historicamente, aconteceram nas eleições passadas.

Esse não é um 2º turno onde tudo começa do zero, como geralmente ocorreram nas eleições passadas. A vantagem de Bolsonaro é absurdamente grande. Ele tem, portanto, o comando do jogo em suas mãos. Só perde se errar demais.

Comentários

Leia também