Inconformado com permanência de Crespo, PSDB vai ao ataque

O resultado da votação que deixou o prefeito Crespo no cargo mexeu com os ânimos dos dirigentes do diretório municipal do PSDB e em nota divulgada no começo da noite de hoje, João Leandro da Costa Filho (presidente do PSDB Sorocaba) e Luiz Miranda (secretário do partido em Sorocaba), assinam nota para demonstrar o desapontamento com o resultado. Eles usam, inclusive (imagem que ilustra essa nota), um refrão do poema “Gaúcho da Fronteira” – Herdeiros de Pampa Pobre, nos restando a guaiaca nua para pagar uma porção de contas – para explicitar o ataque à decisão.

Leia a íntegra da nota tucana

Na condição de Presidente do PSDB de Sorocaba, venho a público manifestar o desapontamento com o resultado da votação do pedido de abertura de investigação contra o Prefeito Crespo, pedido este subscrito por mais de 10 mil sorocabanos e sumariamente rejeitado, ignorado pela maioria dos vereadores de Sorocaba, inclusive e incompreensivelmente por dois do próprio PSDB.

Ressalto e parabenizo, fazendo justiça ao nosso líder na Câmara, Vereador Engº Martinez, que nos honrou com seu voto a favor do povo sorocabano, mostrando a postura que condiz com o pensamento do PSDB e da população que se encontra entojada com a descompostura do Prefeito Crespo.

Quero lembrar que ao longo do Governo Pannunzio, quando fui seu Secretário de Governo, sofremos mais de 20 CPIs, a maioria delas propostas pelo então vereador Crespo, e nunca adotamos nenhuma postura de impedimento a qualquer investigação, seja qual fosse. Assim, hoje, não temos nenhuma razão para proteger aquele que comprovadamente não respeita e não merece a confiança do povo que o elegeu. E vale lembrar que as CPIs criadas pelo então vereador Crespo não comprovaram nada contra o Governo, mostrando-se, ao final, inúteis e desnecessárias.

Muito diferente de hoje, pois as denúncias que motivaram a atual CPI são gravíssimas e devidamente comprovadas por auditoria da própria Prefeitura. Lamento muito o equívoco, para dizer pouco, daqueles que optaram por se calar e ficar de mãos dadas (neste dia 12 de junho), com aquele que tem se mostrado inapto, imaturo e com indícios irrefutáveis da sua improbidade no trato com o dinheiro do povo.

Todos nós queremos o bem de Sorocaba. Mas se os ilustres vereadores continuarem abrindo mão da sagrada obrigação de agir, respeitando a população e impondo limites ao Chefe do Executivo, estaremos fadados a nos tornar “Herdeiros de Pampa Pobre, nos restando a guaiaca nua para pagar uma porção de contas”, parafraseando Vaine Darde em “Gaúcho da Fronteira”.

Assinado – João Leandro da Costa Filho, Presidente PSDB Sorocaba; e Luiz Miranda, Secretário do PSDB Sorocaba

Comentários

Leia também