Incrédula, Sorocaba acompanha facada em Bolsonaro

O candidato do PSL à presidência, Jair Bolsonaro, levou uma facada na região do tórax durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG) na tarde desta quinta-feira. No momento da confusão, ele estava sendo carregado nos ombros por um apoiador de sua campanha, fazendo corpo a corpo com eleitores. Enquanto ele acenava para os simpatizantes de sua candidatura, uma pessoa se aproximou dele e deu uma facada no presidenciável.

Num primeiro momento, propagada por um dos filhos de Bolsonaro, o deputado estadual Flávio Bolsonaro, o ferimento foi superficial e o candidato passa bem. Com o passar do tempo, a gravidade do ataque foi sendo acentuada com informações de que havia atingido o fígado e o intestino.

O sorocabano demorou para acreditar na informação. Em época de fake news, somente quando O Globo, O Estado de S.Paulo e por fim o portal UOL, da Folha, noticiaram é que se teve a certeza do ataque.

Louco, insano, idiota foram alguns dos adjetivos usados pelas pessoas que conversei a respeito do homem preso, primeiramente, como suspeito de ter feito o ataque. Meu sentimento, ao observar às pessoas com as quais conversei, era de que elas ficaram totalmente surpresas. Posso dizer que incrédulo o sorocabano acompanhou se de fato era verdade que Bolsonaro havia sido esfaqueado.

Comentários

Leia também