Leitor contesta meu raciocínio sobre PA São Guilherme e indica caminho para resolver problema

Escrevi um post informando que são 7 meses de funcionamento do PA (Pronto Atendimento) do bairro São Guilherme, onde antes funcionava uma UBS (Unidade Básica de Saúde) que criaram a queda de braço entre moradores e Fórum Popular da Saúde e a prefeitura que foi parar na Defensoria Pública. Disse que usar uma UBS era como andar de ônibus e um PA de carro, ou seja, os dois veículos levam para o mesmo lugar, mas um com mais agilidade.

Valmir Furlan, que trabalha na Prefeitura Sorocaba, leitor deste blog, contesta meu raciocínio e aponta um caminho para resolver o problema da saúde. Veja o que ele pensa: “A comparação com os veículos de transporte é falha, pois apesar de o atendimento num PA ser mais rápido, não há qualquer preocupação com a prevenção ou com o seguimento dos casos, que são os focos das UBSs. Porém, não somos culturalmente educados para a promoção da saúde, e, por experiência própria, é bem trabalhoso mudar esse paradigma com a população, e aí temos essa inversão do que achamos ser o melhor serviço, quando sabemos que é errado (impossível até) comparar-se maçãs com bananas. São serviços distintos e cada qual tem seu propósito. Funcionassem as UBSs como deveriam, os PAs não seriam tão requisitados. Mais barato e mais eficaz! Mas têm de funcionar em plenitude, não num faz-de-conta. Querem melhorar a Saúde? O caminho está aí!”

E você o que pensa?