Mas o desejo dos servidores segue sendo o reajuste salarial e o sentimento após o encontro com a prefeita é “de que tudo será feito para que possamos recuperar as perdas inflacionárias de 2015 e 2016”, revela o presidente do sindicato

JaquelineSSPMSDurante o encontro entre a prefeita Jaqueline Coutinho e Salatiel Hergesel, presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorocaba, o secretário de Recursos Humanos, Marinho Marte, que participou da reunião, afirmou que o encontro “foi uma clara abertura de diálogo da prefeita com os funcionários públicos”, mas ressaltou que “é preciso salientar que o momento ainda pede atenção, se referindo à crise financeira pela qual passa o país”.
Depois do encontro, conversei com Salatiel a respeito desse novo momento.
Por favor me fala sobre o encontro com a prefeita. O que teve de diferente do prefeito cassado?
Tudo foi diferente. Primeiro que ela nos atendeu coisa que Crespo nunca fez. Além disso, ela reiterou muito respeito aos servidores e deixou transparente a vontade de fazer o melhor. Vi sinceridade nela.
Qual sua expectativa? Qual o seu sentimento?
Minha expectativa é de que será um governo que vai dialogar muito com os servidores, pois vê na categoria importante instrumento para colocar em prática as políticas públicas do governo. Já o sentimento dos servidores, em geral e não apenas o meu, é de alívio com a saída do Crespo. Com as medidas tomadas hoje há um sentimento de sentir se respeitado.
O principal segue sendo o reajuste salarial?
Em relação ao reajuste, o sentimento de que tudo será feito para que possamos recuperar as perdas inflacionárias de 2015 e 2016.
FOTO: Participaram da reunião, além da prefeita Jaqueline Coutinho, Salatiel Hergezel e Marinho Marte, os secretários Fábio de Castro Martins (Fazenda) e Francisco Pagliato Neto (Relações Institucionais) além de técnicos da Secretaria de Recursos Humanos e diretores do Sindicato dos Servidores.