Na briga ideológica do Facebook, onde muitos destilam apenas ódio, a coluna O Deda Questão hoje na rádio Ipanema (FM 91,1 Mhz) se tornou um fórum de equilíbrio para que os contrários pudessem expôr suas opiniões

HudsonRadioO Hudson gaguejou. Ele amarelou. Nada é culpa dele. Pensa que é mais do que é. Hudson foi bem e defendeu a página que só fala as verdades sobre o governo tucano. Essas são apenas algumas das opiniões que recebi sobre a participação de Hudson Pessini na coluna O Deda Questão hoje na rádio Ipanema (FM 91,1 Mhz). E todos querem saber o que achei. Achei ótima.
Primeiramente, vale lembrar que ele foi convidado a partir do momento em que se instaurou a polêmica em torno de um fato que, até então, não havia sido noticiado: seis usuários da página Legitimidade Sorocabana no Facebook são alvo de um inquérito policial devido a ofensas contra a honra da deputada Maria Lúcia e do prefeito Pannunzio (veja postagem anterior)
Em seguida, achei ótimo que o Hudson que é comerciante e diz que mantém a página no face por hobby, assumiu responsabilidades que muitos atribuem a Renato Amary. Mesmo assim, ele dizendo o contrário, muita gente não acredita e fala que ele é o ventrílogo do Renato. Pessini pediu desculpas a Maria Lúcia, o que é ótimo também pois retira o ranso da crítica pessoal e leva-a novamente para o campo político. Pessini compreende que o prefeito (e o do momento é o Pannunzio) não pode ser responsabilizado por tudo. Minha luta é essa: o cidadão tem de entender que o prefeito (seja ele quem for) não pode tudo. Pode o que diz a lei, e só. Enfim, Pessini defendeu sua posição de que a Feijoada Tucana não deveria ter acontecido neste momento quando se computam 11 mortes (número de hoje) devido a dengue em Sorocaba. Um ouvinte, bem articulado, com a mesma linha de raciocínio usou o portal de voz para dar respaldo ao que Pessini defendeu. Coube ao ex-vereador do PT e hoje militante do PSDB, Arnô Pereira, também via portal de voz, explicar com lucidez e didatismo que os tucanos não fizeram comemoração alguma e que a feijoada teve a finalidade de arrecadar dinheiro para a compra de ovos de Páscoa de crianças carentes.
Foi um pinga-fogo franco e aberto. Hudson, que recorrentemente usa a expressão tucanema (junção de Ipanema+Tucano), pôde fazer sua crítica a linha da rádio, conseguiu dizer que eu sou um critico dele a ponto de montar um grupo no wattapp com minha foto e explicou sua pendenga com o vereador Fernando Dini. Ou seja, achei que na briga ideológica do Facebook, onde muitos destilam apenas ódio, a coluna O Deda Questão hoje na rádio Ipanema (FM 91,1 Mhz) se tornou um fórum de equilíbrio para que os contrários pudessem expôr suas opiniões.
Na foto, feita ao final do programa, estão José Roberto Ercolin, Kiko Pagliato, comendador Hermes Elias de Moura, Will do Super Bairros, advogado João Antônio, Hudson Pessini, Urbano Martins e eu

Comentários

Leia também