Na volta às aulas, estudantes de Sorocaba receberão material fornecido pela Prefeitura, como aconteceu nos anos anteriores. A idéia de colocar em prática o vale-material escolar está sendo revista por sugestões de técnicos do Tribunal de Contas

O fornecimento do vale-material escolar para o início deste ano para as escolas públicas municipais e conveniadas de Sorocaba, um projeto da Prefeitura e aprovada pelos vereadores no final de 2014, está sendo revista. Técnicos do Tribunal de Contas entendem que a medida precisa de um ajuste para ser implementada e, como a ordem do prefeito Pannunzio é para que seja cumprida a lei na risca, o processo e o valor que será oferecido para a aquisição dos materiais pelos pais está parado. A Associação Comercial de Sorocaba havia sido escolhida, no dia 16 (foto), para operacionalizar o sistema do vale-material escolar na cidade, com um custo zero de taxa de administração para a cidade e segue na expectativa se vai ou não gerenciar este processo. Se fosse para apostar, eu cravaria que na volta às aulas, estudantes de Sorocaba receberão material fornecido pela Prefeitura, como aconteceu nos anos anteriores. O bom é que toda a licitação para a compra dos 50 itens já foi feita e as empresas fornecedoras estão aptas a entregar em tempo.