Não leia para seus filhos, mas leia com seus filhos, ensina especialista

Marisa Lajolo, responsável pelo principal estudo da literatura infantil brasileira – que traz em perspectiva histórica, dentro do contexto nacional, o surgimento de um sistema literário em torno da produção de livros para crianças e jovens – e se torna a maior especialista na obra de Monteiro Lobato, esteve em Sorocaba na inauguração do Auditório do Colégio Uirapuru de Sorocaba.

“Estou encantada em falar para pais. Hoje, cada vez mais, é importante o envolvimento da família em práticas leitoras. Notamos através de cartas de Monteiro Lobato que a ideia de escrever livros para crianças partiu das cenas domésticas de sua esposa Purezinha contando histórias para os filhos. Não leia para seus filhos, mas leia com seus filhos. É um momento muito importante na vida deles”, disse a palestrante logo na abertura do evento.

Marisa Lajolo ensaísta, pesquisadora, crítica literária, escritora de literatura juvenil e professora universitária, se fala da importância de se ler com as crianças, também lembra do quanto os adultos devem assumir o papel de adultos, ou seja, de educadores, de quem escolhe e decide a literatura das crianças: “É importante que os adultos estejam atentos e decidam que caminho seguir. Monteiro Lobato sofreu muita censura, sendo condenado, marginalizado e endeusado por suas obras. Mas o exercício da leitura é um dos mais democráticos possíveis. A gente lê e interpreta histórias de acordo com as experiências de vida de cada um”. Ou seja, censurar as obras de Monteiro Lobato ou ter medo de que certas leituras influenciem para o mau o comportamento dos seus filhos é desconfiar na educação que se deu a eles.

O diretor do Colégio Uirapuru, Arthur Fonseca Filho, recepcionou a professora Lajolo, os pais, os alunos e demonstrou toda a alegria em compartilhar o novo espaço e as possibilidades que ele vai abrigar, como o conhecimento trazido pela professora Marisa Lajolo.

Comentários

Leia também