Para tornar o Centro atrativo

A Prefeitura de Sorocaba iniciou uma nova fase de estudos para transformar o centro de Sorocaba em uma região mais agradável, frequentada com segurança a qualquer hora, com atrações culturais, entretenimento, acessibilidade nas calçadas e mais eficiência para o transporte que atende aquela região.

Entre as propostas a serem aprimoradas em diálogo com a sociedade estão o estímulo do parcelamento dos imóveis e o imposto progressivo para promover a ocupação de áreas não edificadas ou subutilizadas e o incentivo à preservação de bens tombados.

O objetivo é diversificar o padrão de moradias no centro da cidade para que volte a ficar habitado e aqueça a atividade econômica também fora do horário comercial habitual, atraindo o interesse de livrarias, cafeterias e espaços de lazer.

Como participar

Todas as pessoas interessadas em participar podem conferir a agenda dos próximos encontros, obter mais informações e enviar sugestões, acessando na internet, o endereço http://planejamento.sorocaba.sp.gov.br/destaques/revitalizacao-do-centro/.

Neste mesmo site, até o próximo dia 28 de fevereiro, fica disponível uma pesquisa de opinião para todos os cidadãos.

O que pensam

O prefeito Crespo começou a ouvir a sociedade na última segunda-feira para promover o planejamento democrático para essas transformações: “Com o passar das décadas o centro ficou esvaziado e ouvindo as sugestões da comunidade nós vamos revitalizar. Todas as representatividades são convidadas a congregarem conosco e essa primeira audiência foi importante”, explicou o prefeito Crespo. A audiência pública foi realizada na sede da Fundação de Desenvolvimento Cultural de Sorocaba (Fundec).

A secretária de Planejamento e Projetos da Prefeitura, Mirian Zacareli, ressalta a importância de todos participarem, inclusive compondo as Câmaras Técnicas que debaterão o projeto detalhadamente.

O secretário da Mobilidade e Acessibilidade e presidente da Urbes, Luiz Alberto Fioravante, ressalta que o centro da cidade será modelo de acessibilidade às pessoas com deficiência para, gradativamente serem implantados em toda a cidade. “Estamos iniciando pela área de maior movimentação”, ressaltou.

O presidente da Associação Comercial de Sorocaba (Acso), Sérgio Reze, elogiou a equipe pela importância do trabalho. “Parabenizo o prefeito. Como querem a cidade de Sorocaba para o futuro?”, questionou, estimulando a participação popular.

O Projeto da Revitalização da Área Central de Sorocaba é gerido pela Secretaria de Planejamento e Projetos (Seplan) em conjunto com a Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (Semob) e Urbes, com a Secretaria de Conservação, Serviços Públicos e Obras (Serpo) e Secretaria de Meio Ambiente Parque e Jardins (Sema).

A mesa que dirigiu os trabalhos durante a audiência pública foi composta pelo prefeito José Crespo; pela secretária de Planejamento e Projetos, Mirian Zacareli; pelo secretário de Mobilidade e Acessibilidade e presidente da Urbes Trânsito e Transportes, Luiz Alberto Fioravante; o secretário de Habitação e Regularização Fundiária, Fábio Camargo; o secretário da Cultura, Werinton Kermes e o presidente da Acso, Sérgio Reze.

Comentários

Leia também