Por que os imbecis perderam a vergonha e estão pedindo a intervenção militar no Brasil

Me surpreendo positivamente outra vez com o ótimo trabalho do repórter fotográfico Erick Pinheiro, do Cruzeiro do Sul. O jornal on line trouxe neste 7 de setembro esta foto dele, que uso aqui, para ilustrar minha indignação com a ignorância de alguns brasileiros. Ao ver a foto, me perguntei: Por que os imbecis perderam a vergomha e estão pedindo a intervenção militar no Brasil? O fato de serem imbecis, por si só, já é autoexplicativo. Mas por trás dessa imbecilidade está uma ignorância sem tamanho. Nas manifestações contra a Dilma em Recife (PE), São Paulo, Campinas, Porto Alegre (RS) manifestantes pró volta dos militares também apareceram e é comum ler o depoimento de jovens, muitas vezes, dizendo que querem a volta dos militares (período em que muitos nem nascido tinham) porque eram contra somente os comunistas e as pessoas que não eram do bem.Tolice sem tamanho. Na faixa de hoje de Sorocaba, uma das extremidades era segurada pelo militar da reserva Rogério Prevedel. Ele justifica sua defesa da intervenção militar dizendo que o Brasil corre o risco de ter uma guerra civil: “O país está completamente falido em todos os aspectos: moral, ético, cívico, econômico e político”. Talvez ele tenha razão,mas o seu remédio é o mais imbecil que pode haver. É o mesmo que se usasse quimeoterapia para se curar uma gripe. Somente com a participação das pessoas de maneira diária no fazer política pode mudar quem está sendo eleito. Mas somente com uma educação onde a criança aprenda (de verdade e não de faz de conta) a fazer as operações matemáticas mínmcas (raciocínio lógico) e a entender o seu idioma (interpretação de texto) vai corrigir o futuro. O presente, com imbecis exibindo essas faixas, me parece perdido.

Comentários

Leia também