Prefeitura estuda extinguir a Urbes e deixar a administração do Caixa Único dos ônibus para as empresas que atuam no sistema de transporte público de Sorocaba

UrbesCxUnico

Consórcio de empresas seria criado para gerenciar o dinheiro dos ônibus de Sorocaba

O prefeito Crespo informou que estão adiantados estudos para ele extinguir a Urbes (empresa pública municipal que gerencia o trânsito e o transporte de Sorocaba) em razão de toda a mobilidade da cidade estar hoje concentrada na secretaria de Mobilidade e Acessibilidade comandada por Wilson Unterkircher Filho, o Kuka.

De importante na Urbes atualmente, explicou o prefeito, está o gerenciamento do Caixa Único transporte público de ônibus e que ele entende como possível a transferência desse Caixa Único ao controle das operadoras (empresas STU e TCS), a exemplo do que já acontece em outras cidades. O objetivo é cortar custos, em especial da Urbes cujo o déficit anual está na ordem de R$ 70 milhões. Qualquer mudança que vier a ser confirmada, por lei, só poderá ocorrer via projeto de lei que será encaminhado à Câmara de Vereadores para deliberação.