PSDB e PMDB usam a mesma estratégia: decidem orientar os votos

EstrategiasParecidasO diretório municipal do PSDB se reuniu na segunda-feira e decidiu que o partido é contra o prefeito Crespo. Na prática isso quer dizer que os três vereadores devem votar pela cassação do prefeito, mas talvez (vejam bem, talvez) consiga 2 votos, uma vez que JP Miranda, o suplente deixa a vaga para que o titular, o secretário Anselmo Neto, que volta para votar a favor de Crespo. Martinez e João Donizeti devem (ainda há dúvida sobre qual será o voto deles) votar contra Crespo.

O diretório municipal do PMDB se reunirá nesta quarta-feira e vai decidir que o partido é a favor do prefeito Crespo. Na prática isso quer dizer que dos 5 vereadores do partido,  é quase certeza que 3 deles serão contra o prefeito, ou seja, Hudson Pessini, Vitão do Cachorrão e Péricles Régis vão desobedecer a orientação partidária e sofrer as consequências disso o que na prática, após longo processo, pode significar a expulsão da legenda. Um voto é garantido em Crespo, o de Fernando Dini. O voto de Hélio Brasileiro é contabilizado dos dois lados, pelos contrários e pelos favoráveis a Crespo. O certo é que ele se baseará, e muito, em seu advogado pessoal até anunciar sua decisão.

Rafael Militão que é suplente e do PMDB deixa a vaga para que o titular, o vereador Marinho Marte (PPS), volte para votar a favor de Crespo.