PT sorocabano ainda não fez nenhum movimento mais agudo sobre a crise do partido e a surra de 2014, mas o PT de Osasco fez. O resultado de lá, essa é minha percepção, seria o mesmo caso a pesquisa fosse feita aqui

O PT de Osasco encomendou uma pesquisa com os cenários para 2016 (eleição deprefeito). Foram ouvidas 600 pessoas no início de fevereiro e os números foram desanimadores para o partido, que governa a cidade há dez anos. Tanto em caso de candidatura à reeleição do atual prefeito Jorge Lapas quanto com a possível volta do ex-prefeito Emidio de Souza, atual presidente estadual da sigla, os nomes do PT perderiam para o provável candidato do PSDB, Celso Giglio.
Tou errado em minha percepção?
Ou o PT de Sorocaba (do Brasil essa é a verdade) se reinventa ou vai levar novas surras nas urnas em 2016 como ocorreu em 2014 quando perdeu as cadeiras de deputados federal e estadual que mantinha há cinco eleições consecutivas.
Os vereadores petistas (França, Carlos Leite e Izídio de Brito) da Câmara de Sorocaba têm um trabalho sólido, mas pessoas próximas a cada um deles desaconselha que se aventurem numa candidatura a prefeito em 2016. Fosse seguir acordos passados, essa seria a vez do vereador Izídio (foto) ser o candidato. Mas aposto que ele vai tentar se reeleger vereador. Na primeira sessão deste ano, pela 3ª vez consecutiva, Izídio foi eleito presidente da Comissão Permanente de Saúde Pública do legislativo sorocabano.

Comentários

Leia também