Régis, um talento que segue ofuscado pela droga. E cada vez mais ninguém acredita nele

Em mais um episódio da luta pessoal de Régis contra as drogas, o jogador abandonou pela segunda vez neste ano o tratamento que vinha fazendo em uma clínica, bancada pelo São Bento. E, dentro do clube, já não é mais unanimidade na diretoria a aposta em uma recuperação do jogador. Fora do clube, a crença em uma recuperação de Régis também diminuiu bastante.

O vereador Rodrigo Manga, que já foi dependente de drogas e lidera o Cadq (Centro de Atenção ao Dependente Químico (CADQ), que atua de forma gratuita e pioneira em Sorocaba), onde Régis vinha tendo amparo para se recuperar, me disse que o primeiro passo para uma pessoa envolvida no vício é o de desejar sair dessa, mas o primordial é ter paciência. “A pessoa que está no processo de recuperação, ela tem de entender que ela usou droga tanto tempo, 10, 15, 20 anos, que consumiu tudo o que ela tinha. Ou seja, a pessoa não pode querer voltar à vida normal em um, dois, três meses. Ela tem que se vigiar. Ela tem que ficar em uma disciplina. Tem que ter uma organização que ela não tinha. E conforme os anos vão se passando ela vai se fortalecendo. Agora, a pessoa fica três ou quatro meses sem usar drogas e já acha que é super herói… Aí já era”, explica Manga.

O Cadq é formado por uma equipe multidisciplinar de profissionais, que adota um sistema terapêutico voltado ao fortalecimento do tratamento ao dependente químico, baseado em princípios cristãos, é um lugar onde a pessoa pode trabalhar os sentimentos, criar novas amizades, assumir responsabilidades, falar das dificuldades para obter felicidade e estabelecer metas que deem a ela novos rumos.

Régis, após abandonar pela segunda vez o tratamento, foi a Brasília onde mora seus familiares e teve recaída no uso de drogas.

Eu espero por um milagre para Régis. E que ele tenha força para sair dessa dependência e, principalmente, para seguir em frente sem lamentar o que deixou para trás. O viciado não é um sem vergonha, mas um doente e, como tal, precisa ser amparado e tratado e, principalmente, desejar amparo e tratamento.

Comentários

Leia também