Sorocaba segue fora do ranking Smart Cities nos quesitos Saúde, Educação e Urbanismo e sobe 31 posições em Meio Ambiente

Campinas é a cidade mais inteligente e conectada do Brasil segundo o resultado da 5ª edição do Ranking Connected Smart Cities, ano 2019, divulgado na manhã de hoje (17 de setembro) durante a abertura do evento do setor que acontece até amanhã em São Paulo. Sorocaba é a 29ª cidade (era a 42ª em 2018), não lidera em nenhum dos 10 entre os 11 quesitos avaliados neste ano

Mas o grande dado a ser levado em conta é uma pergunta: por que em três quesitos (Educação, Saúde e Urbanismo) dos 11 indicadores do ranking, Sorocaba não está classificada nem entre as 100 primeiras cidades? E isso nos últimos 3 anos.

Outra questão: Por que Sorocaba pulou 31 posições (de 39º para 8º) de um ano ao outro em Meio Ambiente?

O ranking é anualmente elaborado pela empresa de consultoria e inteligência de mercado Urban Systems, de atuação nacional, com o objetivo de mapear os municípios com maior potencial de desenvolvimento no país. Neste ano, foram mapeados 666 municípios com mais de 50 mil habitantes.

A elaboração do ranking é feita por meio de análise de publicações nacionais e internacionais e indicadores sobre a temática de cidades inteligentes, sustentáveis, conectadas e assuntos correlatos.

A instituição considera 70 indicadores que são avaliados nos municípios. O total de pontos é 69,5. A primeira colocada, Campinas, obteve nota 38,977; enquanto Sorocaba, apenas a 29ª obteve 33,480 pontos.

Abaixo eu separei o primeiro colocado de 2019 cada um dos 11 quesitos analisados e a respectiva posição de Sorocaba neste ano, além de 2018 e 2017.

Há o endereço do link para se ver a pesquisa completa com os dados de todos os municípios e os 70 indicadores avaliados.

Indicadores e colocações

1 – Mobilidade e Acessibilidade: 1º) São Paulo; 31º) Sorocaba (Sorocaba era 47º em 2018 e não aparecia em 2017)

2 – Urbanismo: 1º) Curitiba; Sorocaba não aparece entre as 100 primeiras cidades (Sorocaba já não aparecia nas edições 2018 e 2017)

3 – Meio Ambiente: 1º) Santos; 8º) Sorocaba (Sorocaba era a 39ª em 2018 e 40ª em 2017)

4 – Tecnologia e Inovação: 1º) Campinas; 37º) Sorocaba (Sorocaba era a 50ª em 2018 e 48ª em 2017)

5 – Saúde: 1º) Vitória (ES); Sorocaba não aparece entre as 100 primeiras cidades. Em 2018 e 2017 também não aparecia.

6 – Educação: 1º) São Caetano do Sul; Sorocaba não aparece entre as 100 primeiras cidades. Em 2018 e 2017 também não aparecia.

7 – Empreendedorismo: 1º) Rio de Janeiro; 69º) Sorocaba. Não há informação sobre os anos de 2017 e 2018.

8 – Governança: 1º) Brasília; 82º) Sorocaba. Não há informação sobre os anos de 2017 e 2018.

9 – Economia: 1º) Campinas; 27º) Sorocaba (Sorocaba era a 38ª em 2018 e 30ª em 2017)

10 – Segurança: 1º) Balneário Camboriú (SC); 58º) Sorocaba. Não há informação sobre os anos de 2017 e 2018.

11 – Energia (sem avaliação neste ano). Nos anos de 2018 e 2017, quando houve avaliação, Sorocaba não apareceu entre as cidades do ranking.

O estudo completo pode ser acessado no seguinte endereço: https://d335luupugsy2.cloudfront.net/cms/files/48668/1568738869Ranking_CSC_Final.pdf

Comentários

Leia também