Sorocabano usa sistema de petição mundial para salvar seu bairro

Ronaldo, ouvinte do Jornal Ipanema (FM 91.1Mhz) gravou um portal de voz na última terça-feira para pedir socorro contra o corte de árvores que estão acontecendo no Jardim Europa, bairro onde ele mora em Sorocaba, que estão acabando com ninhos e galhos onde pássaros escolheram para viver. Ele chegou a citar o senhor Renato, da Secretaria do Meio Ambiente, como alguém que mandava os operários a seguir com a poda, apesar dele implorar para que acabasse com aquele crime. Nada se resolvia. Mandei mensagem ao secretário de Meio Ambiente, Jessé Loures, para ele intervir. Mas nada aconteceu.

Então, o que fez o morador? Recorreu ao Avaaz, que significa “voz” em várias línguas européias, do oriente médio e asiáticas, foi lançada em 2007 com uma simples missão democrática: mobilizar pessoas de todos os países para construir uma ponte entre o mundo em que vivemos e o mundo que a maioria das pessoas querem.

O que faz

A Avaaz mobiliza milhões de pessoas de todo tipo para agirem em causas internacionais urgentes, desde pobreza global até os conflitos no Oriente Médio e mudanças climáticas. O nosso modelo de mobilização online permite que milhares de ações individuais, apesar de pequenas, possam ser combinadas em uma poderosa força coletiva.

Operando em 15 línguas por uma equipe profissional em quatro continentes e voluntários de todo o planeta, a comunidade Avaaz se mobiliza assinando petições, financiando campanhas de anúncios, enviando emails e telefonando para governos, organizando protestos e eventos nas ruas, tudo isso para garantir que os valores e visões da sociedade civil global informem as decisões governamentais que afetam todos nós.

O que deseja

O sorocabano partiu de uma sentença: “O que está acontecendo no Jardim Europa? Tiroteio, Lixo, abandono e corte de árvores abrigo de aves ameaçadas”.

E fez uma petição que está esperando pela aprovação da Comunidade da Avaaz, ou seja, ele busca 100 assinaturas on line para que siga adiante com sua batalha e justifica porque ela é importante:

– Lixo nos canteiros da avenida principal sem coleta sendo arrastados pelo córrego para posterior entroncamento na malha hídrica.

– Poda irregular, sem acompanhamento técnico de profissional competente.

– Iluminação precária de ruas e acessos.

– Mato, lixo e abandono em áreas verdes multiplicando animais peçonhentos e contaminando nascentes.

– Consumo de drogas em áreas públicas e acessos devido a falta de presença da segurança pública.

Prefeitura responde

A Prefeitura de Sorocaba acompanha a petição e via Secretaria de Comunicação se adiantou a responder ao morador.

A Secretaria de Segurança e Defesa Civil, por meio da Guarda Civil Municipal, informa que irá intensificar o patrulhamento nas áreas públicas do bairro, visando colaborar com a segurança e consequentemente com o trabalho da Polícia Militar. Contudo, é necessário q o reclamante detalhe melhor a questão, informando hora e local onde os ilícitos costumam ocorrer.

Sobre a iluminação, a Secretaria de Conservação, Serviços Públicos e Obras informa que a população pode e deve informar os locais exatos que estão com a falta de iluminação, porém mesmo assim irá enviar equipes ao bairro para averiguar o problema.

Sobre os lixos, a Secretaria de Saneamento informa que enviará uma equipe ao local para averiguar o caso e assim que constatado, acionará a empresa responsável pela coleta de lixo.

Já a Secretaria do Meio Ambiente, Parques e Jardins (Sema), por meio da Divisão de Manutenção de Paisagismo e Arborização, informa que o serviço de poda de árvores em Sorocaba ocorre sempre com o acompanhamento de um técnico da área e dentro dos padrões técnicos. É importante esclarecer que antes do serviço ser executado é realizado um levantamento prévio de cada exemplar arbóreo da via e uma das preocupações da Sema, por exemplo, é verificar se há ninhos de aves nos galhos, por exemplo, para preservar a fauna que se utiliza das árvores. O serviço de poda na avenida Londres, no Jardim Europa, foi realizado nessa semana para deixar o local mais seguro e tranquilo para a população. Inclusive um dos pedidos de poda no local foi feito através do telefone 156, alertando para a questão da segurança pública. Durante a realização do serviço na avenida a equipe recebeu elogios por parte de diversos moradores locais.

Comentários

Leia também