Vereadoras eleitas, a veterana Iara e a estreante Fernanda Garcia falam de sonhos e realidade no futuro mandato legislativo

vereadorasAs vereadoras eleitas por Sorocaba para o próximo mandato, Iara Bernardi (PT) e Fernanda Garcia (PSOL), concederam, na manhã desta quinta-feira (13), entrevista à rádio Ipanema 91,1 FM. As parlamentares foram entrevistadas durante o Jornal da Ipanema, dentro do espaço “O Deda Questão”, comandado pelo jornalista Deda Benette.

 

Nas eleições deste ano, Iara foi eleita com 4.364 votos e Fernanda 3.882. Ambas ficaram entre os 15 mais votados no município e serão as únicas mulheres na Câmara. Sorocaba possui, no total, 20 parlamentares legislativos.

 

Fernanda Garcia assumirá pela primeira vez mandato de vereadora. Durante entrevista, ela destacou que trabalhará em 4 frentes: Saúde, Educação; Mulher e Juventude. Falou bastante da falta de vaga em creches e passe livre aos estudantes, por exemplo.

 

Já Iara destacou sua volta à Câmara após 20 anos. A parlamentar foi uma das primeiras mulheres a ocupar uma cadeira na Casa, em 1982, junto a Diva Prestes de Barros, e assumiu mandato até 1996.

 

Tudo lindo, mas ficou evidente o quanto a experiência parlamentar e de vida pesa. Fernanda demonstrou o tempo todo muita energia e a certeza de que vai fazer a diferença. Iara, inclusive citando a PEC 241 que limita gastos do governo federal (a qual ela teceu severas críticas), disse que a realidade é mais dura. Segundo Iara, essa PEC vai deixar ainda mais pobres os municípios em geral.

 

Os ouvintes foram severos com as duas pela tendência ideológica de ambas. Foram dezenas de manifestações, mas um delas resume o espírito de quem estava ouvindo: Ninguém merece começar o dia ouvindo PT e PSOL…. e um série de críticas.

 

Fernanda disse que defende a livre manifestação, que vivemos em uma democracia, mas que o ouvinte precisa entender que o PSOL é diferente do PT, é ficha limpa.

 

Iara pediu respeito aos votos que elea e Fernanda tiveram e que representa parcela da sociedade sorocabana.