Campinas ganha trem. Sorocaba, a conta no restaurante dos bariátricos…

O governador Rodrigo Garcia assinou ontem, segunda-feira (18 de abril), os convênios entre o Governo de São Paulo e os municípios de Campinas, Franco da Rocha, Louveira, Francisco Morato, Várzea Paulista e Vinhedo para viabilizar a primeira etapa do Trem Intercidades. Os convênios darão garantias e condições jurídicas, financeiras e técnicas para a implantação do Eixo Norte do projeto. O prazo é de cinco anos, com prorrogação se necessário.

Em Sorocaba, reféns da Viação Cometa, que oferece um péssimo serviço entre as duas cidades, como postei dias atrás, os pelo menos 3 mil passageiros que diariamente vão à capital paulista para trabalhar e retornam a Sorocaba, onde moram, lamentam. Mas lamentam em silêncio… que é o mesmo que concordar. São pessoas resilientes de que não podem nada.

Nem uma vã promessa de que o governo fará o trem São Paulo a Sorocaba, um dia qualquer, num futuro incerto, Rodrigo Garcia deu. Ainda bem. Qualquer promessa seria uma esperança a manter a letargia dos resilientes mal-tratados passageiros dos ônibus.

Culpa de quem?

Do próprio sorocabano que segue dando seu voto a quem lhe dá uma banana. Não a fruta, mas aquele sinal com o braço. Afinal o que se vê, são deputados silenciosos sobre este tema e vereadores preocupados com a conta no restaurante de quem fez cirurgia bariátrica…

Comentários

Leia também