Deputados federais de Sorocaba mantêm cautela, mas acreditam que o impeachment vence

Os deputados federais sorocabanos, Vitor Lippi (PSDB) e Jefferson Campos (PSD), tinham no começo desta semana o sentimento de imprevisibilidade a respeito do impeachment da presidente Dilma que será votado domingo. Hoje (15/04), porém, faltando 48 horas para a votação, ao vivo de Brasília, pelo telefone, eles participaram da coluna O Deda Questão do Jornal da Ipanema (FM 91,1Mhz) e expressaram confiança na cassação da presidente, sem deixar de lado a cautela. São necessários 342 votos para que Dilma perca esta etapa do processo de impeachment e ambos acreditam que o resultado final terá entre 360 e 380 votos contra Dilma. Ambos entendem que a pedalada fiscal é crime de responsabilidade e por isso querem tirar o mandato da presidente, mas usaram a maior parte do tempo que tiveram para explicar que votam a favor do impeachment pelo momento de caos que vive o pais, onde a economia está paralisada, o desemprego atingiu 10 milhões de brasileiros e caminha para pegar 12 milhões de pessoas, falam do fechamento de shoppings e lojas individuais do comércio de cidades de todo o Brasil.

Comentários

Leia também