Pré-candidato do PT comemora a liberação da legenda para participar da eleição e vê resultado de pesquisa com serenidade

A primeira pesquisa eleitoral desta eleição, registrada pelo PSOL, do pré-candidato a prefeito Raul Marcelo, trouxe levantamento do Instituto Ipeso sobre as intenções de votos estimuladas no período de 16 a 19 de julho. E nela o candidato do PT, Glauber Piva, amarga a última colocação com 0.6% das intenções de voto. Índice absolutamente surpreendente se levado em conta a marca histórica do PT, que nas duas últimas eleições ficou na faixa de 10%, mas totalmente compreensível levando em conta a visão que o brasileiro, de um modo em geral, passou a ter do PT desde as investigações da Operação Lava-Jato e impeachment da presidente Dilma. Perguntei ao Glauber qual a reação dele diante do resultado e ele se mostrou absolutamente sereno: “A pesquisa dialoga com o momento e  detecta o nível de conhecimento dos pré-candidatos. Nada além disso. Há  muita água pra passar sob a ponte ainda”.

Glauber celebrou a decisão do TRE (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo) que suspendeu sanção que impedia a participação do PT de Sorocaba nas eleições municipais deste ano. O magistrado deferiu o mandado de segurança com pedido de liminar na tarde desta terça-feira (27/07), e a 271ª Zona Eleitoral de Sorocaba já foi notificada da decisão para cumprimento imediato da retirada de restrições. O registro do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores de Sorocaba estava suspenso porque a agremiação atrasou a prestação de contas de anos anteriores. Segundo o tesoureiro do PT Júlio Corrêa, o partido já apresentou as contas à Justiça Eleitora: “O procedimento da Justiça Eleitoral é normal, ocorreu um atraso na prestação de contas do partido e o juiz julgou as contas como ‘não prestadas’. Já regularizamos a apresentação de todas as documentações solicitadas. Como processo judicial é moroso, nós entramos com um mandado de segurança junto ao Tribunal Regional do Trabalho (TRE) para retirar as restrições a fim de podermos participar do processo eleitoral.”

Dessa forma, não existe mais impedimento legal para homologação da candidatura do PT à Prefeitura de Sorocaba e da chapa de vereadores e de vereadoras. A Convenção Oficial Partidária do PT irá acontecer em conjunto com o Encontro Municipal do partido no dia 31 de julho, às 10h, na sede do Diretório Municipal do PT.

Comentários

Leia também