Ex-candidato a vice-prefeito no Ministério da Ciência e Tecnologia

Roberto Freitas, ex-candidato a vice-prefeito de Sorocaba na chapa então encabeçada para Jaqueline Coutinho e que ficou em segundo lugar na corrida eleitoral de 2020, será o Coordenador Geral de Articulação em Ciência, Tecnologia e Inovações do MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações).

Em razão do novo cargo, o sorocabano vai se mudar para Brasília e colocar em prática um pouco de sua experiência na área, adquirida durante o período em que foi presidente do Parque Tecnológico de Sorocaba nos governos Crespo e Jaqueline.

Muito ligado ao deputado federal Jefferson Campos, o convite para o cargo, segundo a sua assessoria, partiu do ministro, o astronauta Marcos Pontes, e sua função “será a de colaborar no desenvolvimento de projetos que contemplem todo o país nas áreas de ciência e de tecnologia”.

O sorocabano se diz preparado para o novo desafio, sobretudo depois da experiência que adquiriu, em quatro anos, enquanto presidente do Parque Tecnológico de Sorocaba. Além disso, ele foi secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e contribuiu

“Muito do que vivi e aprendi em 18 anos de trabalho no Poder Público pretendo levar a Brasília e estender às demais cidades e Estados brasileiros”, explicou Freitas que também foi assessor parlamentar e contribuiu para a criação do Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação de Sorocaba, entidade da qual era vice-presidente.

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações é responsável pelas políticas nacionais de pesquisa científica e tecnológica e de incentivo à inovação.

Comentários

Leia também