Grupo do prefeito apoia projeto de presidente do Legislativo e integrantes da Mesa Diretora da Câmara, a partir deste ano, já poderão concorrer à reeleição nos mesmos cargos. Decisão acalma Manga

O presidente da Câmara de Sorocaba, vereador Rodrigo Manga, na semana passada, articulou um projeto que permite a reeleição dos integrantes da Mesa da Câmara para os mesmos cargos que ocupam atualmente. E esse projeto foi aprovado na sessão de hoje.

Com isso, se tudo der errado para Manga (ele não conseguir a legenda do DEM para concorrer a deputado estadual; se ele conseguir a legenda, mas não o apoio da Igreja Universal; se ele conseguir o apoio da igreja, mas mesmo assim não for eleito em outubro) em dezembro ele terá a chance de concorrer a presidente e ficar no cargo até a eleição de 2020 quando novamente vai concorrer a vereador.

Não ser eleito deputado e ficar fora da presidência, no entendimento do grupo que acompanha Manga, poderá significar um desastre no projeto político dele. Não sendo deputado, mas mantendo-se presidente, porém, significa manter o poder que hoje detém.

Na noite de ontem, portanto véspera da manhã de hoje, Manga e seus dois principais aliados em seu projeto político e, também, dentro da Câmara de Vereadores, Hudson Pessini do PMDB e Renan dos Santos do PC do B, se reuniram para comer uma pizza na Aspácia. E foi a foto desse encontro que consegui. Porém, após esse registro quem chegou para compartilhar da pizza foi Irineu Toledo, líder do prefeito Crespo na Câmara. E chegou com a boa notícia: os vereadores da base de apoio ao prefeito iriam votar favoravelmente ao projeto articulado por Manga. De fato assim aconteceu. Votaram contrários os vereadores petistas Francisco França e Iara Bernardi e Fernanda Garcia, PSOL, por razões ideológicas. Além deles, Hélio Brasileiro (que é o mais legalista dos vereadores que já passaram pela Casa) e Rafael Militão (que segue os passos e a lógica de Hélio Brasileiro, ambos se tornaram amigos). A voz dissonante foi de Luís Santos, do PROS. Aliás, coube a ele a crítica mais severa ao projeto. Ele defendeu enfaticamente a sua rejeição sob a alegação que isso não seria democrático.

 

FOTO: Na noite de segunda-feira, portanto véspera da votação da manhã de hoje, os três amigos (Rodrigo Manga, Hudson Pessini e Renan dos Santos) jantam na Pizzaria Aspácia. Depois de tirada essa foto, quem chegou para jantar foi o vereador Irineu Toledo, líder do prefeito na Câmara, que comunicou que o grupo de apoio ao prefeito iria votar a favor do desejo de Manga.

Comentários

Leia também