Nem os vereadores antigos e nem os sindicalistas entenderam que o reajuste não foi de 8%

Como manda a lei, o acordo fechado entre Prefeitura e Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorocaba sobre o índice de reajuste salarial do funcionalismo, para ter valor de lei, precisa ser aprovado pelos vereadores. E isso aconteceu hoje em sessões extraordinárias. Mas o que me chama a atenção é que nenhum vereador experiente, como Marinho Marte, que está desde 1982 na Casa; e nem um sindicalista como Izídio (Metalúrgico) ou França (Transporte) se atentaram ao índice de reajuste verdadeiro e ficaram propagando os 8%. Agora é fato.

Comentários

Leia também