Prefeito e deputado são recebidos pelo governador em sua residência para comer pizza e um bate-papo informal

O secretário de Governo da Prefeitura de Sorocaba, Toni Silveira, me disse que não sabia de nada. Mas um amigo, que trabalha no Palácio dos Bandeirantes (sede oficial do governo paulista e onde fica a residência do governador), me contou que na noite de domingo, como faz há anos, o governador Alckmin recebe prefeitos, deputados e amigos políticos para comer pizza e bater um papo informal sobre, quase sempre, política. E os convidados de domingo passado foram o prefeito Pannunzio, o deputado federal Vitor Lippi e a deputada estadual Maria Lúcia Amary. Dos três, apenas a deputada não compareceu e por motivo familiar (ela está desde quinta-feira como acompanhante do pai que está internado na semi-UTI). Obviamente que Pannunzio e Lippi trataram do nome do candidato tucano à sucessão municipal. A 100 dias da eleição, a indefinição do candidato tem incomodado muitos os tucanos e militantes de partidos aliados. Obviamente que não sei sobre o que eles falaram. Quem poderia me contar, que é o secretário de governo de Pannunzio, não me disse nada. Não consegui entrevista nem com o deputado e nem com o prefeito.

Comentários

Leia também