Prefeito não acredita que o governador será contra sua própria palavra de que não haveria pedágio na SP-264, mesmo afirmação sendo feita num 1º de abril, o Dia da Mentira

Durante a entrevista na coluna O Deda Questão no Jornal da Ipanema (FM 91,1Mhz) na manhã de hoje (24/02), a pedido do jornalista Urbano Martins, coordenador do jornal, foi colocado no ar uma sonora com o governador Alckmin, de 1ª de abril de 2011, quando ele disse ao repórter Rubens Maximiano de que na SP-264 não terá pedágios até porque a duplicação está sendo feita com recursos públicos.

A Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo), divulgou edital da concorrência de concessão de rodovias (entre elas a SP-264), a serem lançados a partir de abril, afirmando que haverá pedágio.

O prefeito falou que soube pela impresa desse edital, se surpreendeu e desconfia que a Artesp terá de refazer seu cronograma pois não acredita que o governador vai ser contra a própria palavra dada por ele. Eu ainda brinquei que a declaração foi feita em 1º de abril, Dia da Mentira. O prefeito riu e manteve sua crença de que não haverá pedágio.

Além da rodovia João Leme dos Santos (SP-264), a Artesp também quer praças de pedágio nas rodovias Waldomiro Correa de Camargo, Raimundo Antunes Soares, Francisco José Ayub e Nestor Fogaça, todas dentro da Região Metropolitana de Sorocaba.

A caricatura desta postagem é do profissional Carlos Duarte.

Comentários

Leia também