Prefeito usa crise e queda na arrecadação para justificar a falta de contêineres nas ruas

O mês de março terminou, abril já está com uma semana, e o prazo prometido pela Prefeitura de Sorocaba para instalar os 11 mil contêineres previstos para que a população deposite o lixo doméstico não será cumprido. Durante a coluna O Deda Questão, no Jornal da Ipanema (FM 91,1Mhz), na manhã de hoje ((6/4), o prefeito Pannunzio justificou a quebra de sua promessa (de colocar contêineres em toda a cidade no primeiro trimestre deste ano) pela queda de arrecadação de impostos na Prefeitura situação provocada pela crise econômica que assola o Brasil em virtude da crise política. Estavam previstos 11 mil contêineres e até o momento foram instalados 5 mil deles.

Comentários

Leia também