Sinceramente, qual sentimento que bate em seu peito quando você vê aquelas mulheres com cara de tristeza e sofrimento segurando a bandeira de um candidato?

BandeiraEleitoral

Eu imaginava que depois do grito de 2013 (um ano depois da eleição municipal), quando um movimento espontâneo tomou às ruas, não se veria nada tão velho e conservador numa propaganda de prefeito. Mas os primeiros dias demonstram apenas mais do mesmo. Sinceramente, me digam vocês que me lêem, qual sentimento que bate em seu peito quando você passa por alguma daquelas mulheres com cara de tristeza e sofrimento segurando a bandeira de um candidato? Eu sinto tristeza. Fico curioso em saber quem é aquela pessoa ali. Quero saber o que levou ela a segurar uma bandeira. Onde nasceu e que oportunidades não teve. Vejo uma ignorante que faz campanha para quem vai produzir mais do mesmo, ou seja, vai eleger quem não demonstrou até agora nenhum compromisso para dar uma chance diferente às futuras gerações dos filhos das seguradoras de bandeira. Se isso não fosse verdade, as seguradoras de bandeiras (que estão ai há 30 anos) já existiriam mais.

Comentários

Leia também