Só 1 vereador não ignora a abertura da tradicional Festa Junina

A abertura oficial da 40ª Festa Junina Beneficente de Sorocaba – seguramente a festa mais tradicional da cidade – foi ignorada por 19 dos 20 vereadores da Câmara de Vereadores de Sorocaba. A única exceção ficou por conta de Wanderlei Diogo, que representou a instituição.

Em 2017, no primeiro ano de Crespo como prefeito, na abertura da Festa Junina estava em curso, como agora, uma Comissão Processante para cassar o seu mandato. Naquele ano, o então presidente da Câmara, Rodrigo Manga, foi à solenidade, mas foi ignorado por Crespo que não o citou e muito menos o chamou para discursar, fato compreendido, à época, por Manga, como retaliação de Crespo.

Neste ano, nem prefeito Crespo e nem o presidente da Câmara, Fernando Dini, que deverá ser prefeito se Crespo for cassado e, também, a vice for cassada, uma vez que os dois são alvos de Comissões Processantes, trataram publicamente dessa notada ausência do Poder Legislativo.

“Este é o evento mais tradicional da nossa cidade e o que mais atrai a comunidade sorocabana. Cumprimento a todos que estão aqui e a todos que ainda vão vir e contribuir com essas entidades que realizam um trabalho de extrema importância para a nossa cidade”, disse prefeito.

Realizada pela Afejubes (Associação das Entidades Participantes da Festa Junina Beneficente de Sorocaba), a Festa Junina tem como tema “O Arraiá da Família” e ocorrerá de quarta a domingo, até o dia 21 de julho, com shows, comidas e bebidas típicas comercializadas por 31 entidades, além de um parque de diversões. O evento conta com apoio logístico da Prefeitura de Sorocaba, com serviços referentes ao trânsito, transporte coletivo, água, limpeza e segurança.

Comentários

Leia também