Vereador tucano viaja a Paris por dez dias e deverá ter o seu salário cortado. Colegas ficam indignados com atitude

O vereador Francisco Moko Yabiku viajou para Paris, na França, em férias. Colegas da base ficaram indignados e perguntam porque ele não pediu licença para dar vez a vereador Neusa Maldonado, a suplente, estar em plenário e ajudar na votação de interesse do governo. Mais que isso, defendem que ele tenha descontado o salário desses dias, afinal não há no Regimento da Câmara nada que permita a um vereador se ausentar para ir curtir férias. O fato é que Yabiku não deu satisfação a ninguém. Nem ao líder da bancada, ao líder do prefeito, ao presidente da Câmara, ao partido.

Comentários

Leia também