Votação por ordem alfabética pode selar a quantidade de votos de Crespo

Nos bastidores, são várias as contas sobre qual será a decisão dos vereadores sobre a cassação do mandato do prefeito Crespo.

Há quem acredite que o prefeito já tem votos suficientes para se salvar – e indicativos como o que estão na postagem a seguir são o principal argumento para isso – e há quem acredita que os vereadores vão deixar a decisão para o último momento.

A questão é que o Regimento da Câmara determina que a votação seja nominal e em ordem alfabética.

Assim, o primeiro a votar será Anselmo Neto do PSDB. Caso ele vote pela cassação de Crespo, ficará o mistério até o final, praticamente, da votação. Mas caso ele vote contra o relatório da Comissão Processante, ou seja, vote a favor do prefeito, será o claro sinalizador de que irão sobrar votos para Crespo. E aí, vereador que até tinha a intenção de cassar o prefeito, vendo que ele vai se safar, poderá mudar de idéia.

É um tabuleiro de xadrez, onde em jogo está a manutenção do prefeito no cargo e a tranquilidade de que não haverá mais pedidos de cassação aprovados até o final do mandato. Obviamente que a rapidez nos atendimentos do vereador, ainda mais em ano de eleição, pesa de um lado na hora de decidir o voto, assim como pesa a pressão de funcionários públicos que são contrários ao prefeito; as sempre possíveis ações da polícia ou MP nessa semana; e algum novo rompante do prefeito, esses sempre muito perigosos…

Comentários

Leia também