Após protestos na rede social, promotor é alvo de manifestação no prédio do MP por suas declarações contra mulheres

O promotor de Justiça Jorge Alberto de Oliveira Marum, do MP de Sorocaba, usa sua página no Facebook para dar suas opiniões de caráter político sempre contra o PT e seus militantes, No dia da prova do Enem, em 25 de outubro, na ânsia de criticar a prova ele acabou sendo absolutamente desrespeitoso com as mulheres e justificou que teria sido irônico. A OAB-Sorocaba fez Ato de Repúdio no Facebook, o MP Estadual usou a rede social para dizer que a opinião do promotor não reflete a da instituição. E na tarde hoje organizações sorocabanas, tipo coletivos e setoriais de mulheres, protestaram em frente ao prédio do Ministério Público, na avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes,e acusaram o promotor de “machista” e “preconceituoso”. Eles também protocolaram uma moção de repúdio às intervenções de Jorge Marum.

Uma citação da obra “O Segundo Sexo”, de 1949, da ativista francesa Simone de Beauvoir no Enem provocou a ira de promotor de justiça de Sorocaba e ele se expressou assim: “Exame Nacional-Socialista da Doutrinação Sub-Marxista. Aprendem jovens: mulher não nasce mulher, nasce uma baranga francesa que não toma banho, não usa sutiã e não se depila. Só depois é convertida pelo capitalismo opressor e se torna mulher que toma banho, usa sutiã e se depila.”

Comentários

Leia também