Não é apenas ouvinte que deseja saber de viaduto, o Tribunal de Contas também

Vence na próxima segunda-feira o prazo de 15 dias da Prefeitura de Sorocaba para esclarecer ao Tribunal de Contas do Estado o motivo de não ter sido construído o viaduto na junção da rua J.J. Lacerda com a avenida Ipanema na zona norte de Sorocaba. O questionamento desta obra foi feito por uma ouvinte do Jornal da Ipanema (FM 91,1Mhz) durante o programa de quinta-feira quando o trânsito, no local, estava parado por volta das 7h da manhã. Ou seja, autoridades e usuários se perguntam sobre obras e respectivas prestações de contas para a construção de infraestrutura viária com pavimentação asfáltica, recapeamento, construção de viaduto dentro do Programa Ambiental e de Integração Social, mais conhecido como Sorocaba Total, e que não saíram do papel, no período do então prefeito Vitor Lippi. O foco do Tribunal de Contas é em relação ao contrato, celebrado em 2011, além de dois termos aditivos, em 2012 e 2013. Segundo o TCE, “não houve precisão nos levantamentos técnicos iniciais, que a obra principal — viaduto — deixou de ser executada. O projeto executivo do viaduto era existente à época da licitação e deve ter sido elaborado com base em interferências existentes, inclusive desapropriações. Não foi juntada aos autos a planilha com os serviços efetivamente executados, a planilha comparativa de previsão e execução e a última medição efetuada com os quantitativos acumulados”.

Em tempo, a concorrência pública internacional para contratação de empresa que irá construir o viaduto entre as avenidas JJ Lacerda e Ipanema, no Jardim Sônia Maria, está consolidada e a empresa vencedora está à espera de recursos do CAF (Fundo Andino de Fomento), na Venezuela. Não há data para a liberação deste recurso.

Na foto, apareça a maquete de como ficaria o viaduto pronto, ou seja, unindo a rua JJ Lacerda com a avenida Ipanema.

Comentários

Leia também