Prefeito de Sorocaba participa em Brasília de encontro que busca mais dinheiro à saúde

Os prefeitos das capitais brasileiras e de cidades médias, como Sorocaba, participam em Brasília desde a manhã de hoje (08/10) do 68º Encontro da FNP (Frente Nacional dos Prefeitos) e entre as propostas debatidas está a de apoio à criação de novas fontes de financiamento para a saúde. Os prefeitos pleiteiam 0,09% da CPMF para os municípios, caso ela seja aprovada com alíquota de 0,38%, o que significa, segundo cálculos da FNP R$ 14,4 bilhões para investimentos no setor de saúde apenas da esfera municipal.

Os prefeitos também lançaram o IV Encontro dos Municípios com o Desenvolvimento Sustentável (EMDS), a ser realizado em Brasília em abril de 2017. O objetivo da FNP é dar  maior protagonismo aos representantes das cidades nas discussões e debates mundiais sobre a questão da sustentabilidade.

O prefeito Pannunzio, que já afirmou que se fosse parlamentar votaria contra a recriação da CPMF, deixa sua opinião de lado e trabalha com o que parece estar bem próximo de ser um fato, ou seja, que a CPMF vai existir e isso acontecendo ele quer Sorocaba beneficiada com mais verbas para a saúde.

Comentários

Leia também