Prefeito faz “manobras para se esquivar de seus atos”, diz ex-secretário

O prefeito Crespo – no depoimento aos membros da Comissão Processante da Câmara na última segunda-feira, quando falava sobre o motivo para que o plano de mídia da Prefeitura de Sorocaba tivesse migrado da Secretaria de Comunicação e Eventos para o seu gabinete – disse que o então secretário de Comunicação, Eloy de Oliveira, “não soube justificar a publicação dos anúncios” no jornal Gazeta do Interior, deixando no ar que algo errado teria sido feito pelo ex-secretário.

Diante disso, Lucas Del Campo, advogado de Eloy de Oliveira, disse que “em respeito à Comissão Processante e também à população, vale frisar que houve diversas publicações no jornal Gazeta do Interior após a mudança de gestão da agência. Ora, se haviam suspeitas, se trocaram a gestão, por que continuaram anunciando neste jornal? Mais uma vez, o chefe do executivo tenta realizar manobras frustradas para se esquivar de seus atos, transferindo suas responsabilidades para terceiros. No mais, aguardaremos os próximos atos judiciais para manifestação”. Sua declaração foi dada ao jornalista Marcel Scinocca e publicada na edição de hoje, 24 de julho, do jornal Cruzeiro do Sul.

O advogado também explicou ao Cruzeiro do Sul que “com o termo de confidencialidade firmado junto à Polícia Civil, Gaeco Sorocaba e Procuradoria Geral de Justiça, torna-se inviável qualquer manifestação neste momento, evitando assim prejuízos ainda maiores ao ex-secretário. Em breve, os inquéritos policiais serão relatados e as denúncias da Procuradoria serão oferecidas. Neste passo, todas as dúvidas serão sanadas, as explicações serão fundamentadas em documentos com a conclusão do judiciário e da sociedade”.

Comentários

Leia também