Promotor afirma que é absurdo ele ser classificado como instrumento político dos interesses do PSDB sorocabano e dá seus argumentos

O vereador Marinho Marte em entrevista na coluna O Deda Questão no Jornal da Ipanema (FM 91,1Mhz) na manhã de segunda-feira (23/11) vendeu a idéia de que o promotor Orlando Bastos Filho, do Ministério Público de Sorocaba, é instrumento político dos interesses do PSDB sorocabano. O promotor não gostou e me disse: “Deda: todas ações contra o Renato foram quando ele era PSDB.  Lippi (que é do PSDB) responde a inúmeras ações,  assim como vereadores como Martinez e João Donizete (que são tucanos). Foi por nós que saiu Paulo Mendes (ex-prefeito e ex-vereador do PSDB), como se pode aceitar o que  marinho falou”?

A verdade é que é um esgrima esta relação entre vereadores e MP. Ao jornalista cabe dar a vez a cada um que queira dar uma estocada no outro e elucidar a leitor a verdade do que acontece nos bastidores da vida pública. É só esse o meu compromisso. Na entrevista na rádio, Marinho afirmou que eu sou amigo do promotor e defendo as idéias dele, apenas. Agora é o promotor que fica indignado comigo, assim interpreto, ao dar voz e não contestar a tese do vereador.

Comentários

Leia também